29 de novembro de 2009

A minha história na Web Analytics

Em Agosto de 2006 comecei a pensar porque é que um técnico de informática não tem um espaço na Internet.
A minha história começa por colocar conteúdo na Internet, para efectuar de uma forma rápida utilizei o Google Page Creator e criei umas paginas pessoais em  http://jorge.m.cunha.googlepages.com com o meu curriculum, mas de seguida comecei a efectuar uma pergunta, será que alguém a visita? depois desta pergunta, apareceram muitas mais, naturalmente.
 A utilização de ferramentas gratuitas disponibilizadas pelo Google para ver quem acedia e qual a pagina é que acedia.
Passado um ano criei dois blogues de cariz técnico mais ligados ao SQL / Crystal Reports  e outros temas, sendo um em Inglês (http://ittechguys.blogspot.com) e outro em Português (http://ittechblogers.blogspot.com) e mais uma vez as mesmas perguntas me assaltaram na minha mente.
Depois fiz aquilo que toda a gente faz coloquei o Adsense, mas ainda não enriqueci, mas ganhei algum traquejo pelo facto de utilizar e de começar a escrever conteúdo e apreendendo conceitos sobre Web Analytics, um mundo novo e em constante transformação.
Descobri também que apesar de pensar que determinada pagina e conteúdo ia ter mais visitas e menos Bounce Rate (Taxa de desinteresse) o tempo e a ferramenta que escolhi e que ainda hoje ainda uso o Google Analytics, provaram-me que não tinha razão.

Vejam que apesar de escrever mais artigos sobre SQL e só escrevi um sobre root-kits (uma espécie de vírus informático). Sem precisar de fazer perguntas a quem visitava as minhas páginas e de como chegava fosse por pesquisa e/ou determinadas palavras chave, cheguei a conclusão que o artigo sobre root-kits era o que tinha maior procura.
As palavras-chave que as pessoas pesquisavam eram    no seu somatório mais a haver com os root kits.
Se não tivermos uma ferramenta adequada de Web Analytics, grátis ou não, não saberemos quais as tendências dos nossos visitantes, como analogia deixou-vos um exemplo muito bom um barco à deriva sem saber qual o melhor caminho.




As perguntas que devem fazer em relação á análise do seu Site são:
  • Quem? 
Quem nos chega, de que País, Região, Cidade e deve ser analisado com uma ferramenta Web Analytics
  • Porquê? 
Que palavras chave seleccionam nos motores de pesquisa , que anúncios clicam, que outras páginas visitam deve ser analisado também com uma ferramenta Web Analytics
  • Em que medida?
Qual o retorno das campanhas Online e ou Offline que contribuíram mais para o aumento das vendas quer tenham vindo, via Site deve ser analisado com uma ferramenta Web Analytics, por outro lado nem sempre o cliente compra Online, mas pode vir a comprar um bem/serviço via Offline, ou seja enviando um email, telefonando para a empresa, esta deve ter em atenção de perguntar de como a pessoa chegou ao contacto da empresa (Pesquisa na Internet, referência de um amigo, via anúncio Online)

  • O que no diz o Cliente?
Com os questionários online poderemos seleccionar uma percentagem deles de forma aleatória  para poderemos analisar e aonde podemos melhorar e efectuar Experiências afim de melhorar a usabilidade do site e a consequente satisfação do seu cliente.(também poderão ser questionários efectuados por outras vias Offline, tais como telefone) A melhoria dos indicadores Online pode ser comprovado com uma ferramenta de Web Analytics 
  • Análise Competitiva
A análise dos seus concorrentes através de indicadores para o seu negócio / ramo de actividade.
Usar a experimentação para tentar outros canais de comunicação, como as redes sociais e comunicação em tempo real. Qual o formato do conteúdo ( audio,video, texto e imagem)


Uma primeira série de artigos de como foi a minha experiência presença na Web


Artigos relacionados:
Análise as visitas ao seu site



partilha com os teus

Pin It

Mensagens populares