21 de junho de 2010

Resumo da Análise aos Web Sites

Este artigo vem no seguimento do anterior Será o que o teu Web Site é uma Ilha? Análise gratuita ao teu Web Site) em que pedia-te para preencher um pequeno formulário, para poder analisar o teu Web Site
Serve este artigo para ajudar aqueles que necessitam de pistas/conselhos para melhorar a fidelidade e atrair mais visitantes. Devo também agradecer a todos aqueles que me deram a oportunidade de efectuar está análise, foi muito gratificante!. Devo também acrescentar que muitas destas dicas eu também tenho que  implementar!


Em resumo a minha análise dividiu-se em três pontos:

Pontos positivos:

  • No geral todos os Web sites têm: 

    • Usa uma ferramenta de Web Analytics no geral usam Google Analytics
    • Boa velocidade do Web Site 
    • Boa apresentação gráfica 
    • Hiperligações(link) para o blogue e redes sociais
  • Em particular alguns Web sites têm: 

    • Tem disponíveis diferentes Idiomas 
    • Usa um gestor de conteúdos (vulgo back Office, ou CMS
    • Participam de uma forma regular nas redes sociais 
    • Aplicação para ligação ao Facebook
    • Formulário em que procura saber qual a origem do contacto. 
    • Testemunhos dos utilizadores 
    • Vídeos de apresentação 

Pontos a melhorar: 

  • No geral foi identificado que têm que melhorar, o seguinte:

    • Colocar uma descrição alternativa nas imagens 
    • Não colocar mais de 10 palavras-chave (Nas meta-tags Keywords) por página e devem ser coincidentes com o conteúdo. 
    • Colocar o links dos artigos do Blogue no facebook (muito importante para optimização dos motores de pesquisa vulgo SEO
    • "Call to Action" (conseguir que o visitante seja chamado para tomar uma acção predefinida, que pode variar, consoante o objectivo do Web Site) 
    • Efectuar SEO também para o BING (motor de pesquisa da Microsoft) que vem predefinido na generalidade dos computadores e normalmente as pessoas não alteram. 

    • Pedir pequenos testemunhos aos clientes de forma a ganhar ainda mais credibilidade e colocar na página inicial e uma secção de Casos de estudo vulgo "Case Studies"
  • Em particular alguns Web Sites têm que melhorar o seguinte: 

    • Colocar o links das redes sociais usadas no Web Site

    • As imagens devem ter o nome delas em vez de img00122341.jpg, deve usar exemplo: palavra-chave_001.jpg 
    • Não tem no url, isto é, http://www.exemplo.com/palavra-chave.html, ou seja no url ter as palavras-chave associadas se possível 

Sugestões

  • Deve ter uma área visível em todas as páginas (Chat, Telefone, email) para o cliente escolher qual o canal de comunicação que pretende, para tirar obstáculos à comunicação. 
  • Colocar um blogue dentro do "Web Site" (exemplo: Blog.exemplo.com ou exemplo.com/Blog) com a possibilidade de usar botões para partilha nas redes sociais e deve-se manter um blogue com regularidade (exemplo: mínimo 2 x por mês) , é importante para a optimização de motores de pesquisa do Web Site 
  •  Nas Redes Sociais deve seleccionar as redes mais adequadas para o seu negócio exemplo: LinkedIn para B2B e Facebook para o B2C, ou outra para poder estabelecer conversas.
  • Personalização de "quem é quem" nas empresas permite uma maior identificação por parte de quem visita 
  • Não se deve pedir excesso de informação pessoal, para depois dar pouca "recompensa",  pois pode ser um factor de inibição e contrario ao objectivo pretendido.

4 de junho de 2010

Está à espera que o seu Gato Ladre?

Durante as minhas curtas férias, aproveitei para ler este excelente livro o qual me fez escrever este artigo com o título do artigo igual ao título do livro o qual aconselho vivamente, porque tem uma boa estrutura e tem uma abordagem aos "Clientes alheios ao Marketing". O livro está traduzido para português, em Inglês o titulo é "Waiting For Your Cat to Bark?", datado de 2006 escrito por Bryan e Jeffrey Eisenberg.
Este livro fala do Marketing antes da existência da Web 2.0 e começa a comparar  com os novos meios, em que não se pode usar exclusivamente as técnicas que se usavam nos meios tradicionais, agora com o Online os canais de comunicação apresentam desafios diferentes.

Fala também das Marcas e das necessidades de realização das pessoas e na pirâmide de Maslow (Artigo de Bruno Amaral ). Utiliza os diferentes temperamentos básicos do ser humano (Metódico, Espontâneo, Humanístico,Competitivo) definido por Keirsey , descreve também a construção de personas, mas tem de ler o restante livro, para verificar a mais valia que este livro representa, pois estes autores também criaram o processo de Arquitectura Persuasiva que consiste em:

  1. Revelação - Como base de sustentação de todo o processo, aqui nascem os objectivos para que a organização conheça o cliente e comece por elaborar personas. Vamos então dar um exemplo para uma loja de electrónica de consumo, vamos então definir esta persona, chama-se João tem entre os 30 e 40 anos de idade, é pai de família  e é um adepto de futebol que gosta de ter o último grito em tecnologia, não olha ao preço mas precisa de um atendimento muito personalizado, por vezes vai ao Web Site e vê a secção de novidades e aí gosta de ver as apresentações em video dos equipamentos, quando vai a loja física gosta de vêr demonstrações dos equipamentos (é claro que é preciso mais elementos para a definição do tipo de persona ). Desta forma a organização, os vendedores da loja ficam formatados para o cliente que traz valor acrescentado e que importa à organização.
  2. Modelação - O desenho do processo criativo para manter o objectivo vivo, a estratégia, para que a persuasão se mantenha através do processo cognitivo.  
  3. Criação de "StoryBoards" - Para criar maquetes interactivas de "storyboards", para que seja possível  através das personas, tornar o objectivo mais preciso e mais eficaz, para que os peritos em meios de comunicação consigam desenhar cenários mais próximos do que foi proposto.
  4. Criação de protótipos - O "storyboard" é concluído e o protótipo fica mais perto do que nós propunhamos e desta forma, o processo é mais rápido.
  5. Desenvolvimento - Produção do protótipo 
  6. Optimização - Através do teste e medição permite-nos melhorar e identificar qual o pormenor, ou etapa a melhorar e/ou alterar. 
Resumindo:
Fala de um método de persuasão muito bem pensado, que muitos de vós se calhar já pensaram nele, mas não o articularam da mesma forma, ou desenvolveram outro, que se for esse o caso, gostaria que partilhassem comigo!
Método muito bom para articular uma boa  Estratégia de Web Marketing,

Artigos que poderás ler:
Nota: Este artigo representa a minha interpretação em síntese do livro, devem sempre comprar o livro e tirar as vossas próprias conclusões.Devo acrescentar que não me encontro veiculado à editora e os direitos de utilização são dos respectivos proprietários. 

2 de junho de 2010

Pesquisa Google SSL com Segurança em Beta

O Google está a experimentar a pesquisa com segurança usando a encriptação para promover a segurança (o Big Brother) da pesquisa para o utilizador, está em Beta (fase de testes) segundo os especialistas do Google vem responder a questões de privacidade pedidas à muito.

Ao clicar na imagem vai abrir uma nova janela do seu Browser
Link https://www.google.com
Link da Noticia no Blogue do Matt Cutts http://www.mattcutts.com/blog/google-secure-search/

partilha com os teus

Pin It

Mensagens populares