24 de novembro de 2020

O Novo Google Analytics 4

 Um olhar prático do novo Google Analytics 4


Este artigo dirige-se a quem já conhece o Google Analytics atual, também chamado Universal Analytics. O  novo Google Analytics 4 (GA 4), que era o denominado Google Analytics App + Web, traz uma mudança há muito pedida pelo mercado de Web e App Analytics: basear a medição não em "page views", mas em eventos. Isto significa, por exemplo, que uma "page view" ou "screen view" passam a ser considerados eventos, ao contrário daquilo que acontecia (exemplo: categoria do evento, etiqueta do evento etc.).


Organização da informação

A versão atual do Google Analytics é organizada da seguinte forma: 



No  Google Analytics 4 há muitas diferenças, que incidem, essencialmente, na forma como os dados estão organizados:



Principais diferenças entre o Google Analytics atual e o novo Google Analytics 4: deixa de haver visualizações de propriedades, pois os dados já não são separados da mesma forma – agora, são organizados em data streams, para aplicações Android e iOS e para websites. Nos websites, o registo do comportamento do utilizador (scroll, submissões de formulários, entre outros) pode ser configurado por omissão de forma automática, facilitando a configuração – trata-se dos eventos automáticos do Google Analytics 4.










Organização lógica dos dados

Como podemos observar na imagem em cima, podemos ter, na mesma propriedade, aplicações de smartphones Android e iOS, assim como propriedades web.

O Google Analytics 4 permite a junção de utilizadores nos relatórios, com base nesta ordem: User ID, Google Signals e dispositivo. Isto dá mais ênfase aos dados recolhidos com consentimento. 

Nesta versão, vai haver mais desenvolvimentos futuros relativos aos controlos da privacidade do utilizador.


Interface do Utilizador

A interface do utilizador é nova e simplificada nalguns aspetos; por exemplo, a configuração de segmentos e de audiências é mais simples.

Ligações dos dados 

A versão gratuita do Google Analytics 4 também permite exportar para o Google BigQuery, permitindo o acesso aos dados tal como são gerados e guardados. 

O que fazer agora?

Neste momento, é aconselhável instalar o Google Analytics 4 em conjunto com o Google Analytics já existente, para não perder histórico e configurações, dado que o Google Analytics 4 tem algumas funcionalidades para desenvolver, assim como a versão paga do Google Analytics 4 – o Google Analytics 360.


Limites na configuração do Google Analytics 4



Começa a visualizar os dados no Google Analytics 4 Demo Account onde tem a merchandise store e flood it App.